Utilizamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você concorda e aceita nossa Política de Privacidade.

Se preferir, informe quais cookies você permite utilizarmos clicando aqui.

Política de Cookies

Cookies são arquivos que auxiliam no reconhecimento do seu acesso ao site. Para personalizar e melhorar sua experiência, sugerir conteúdos de acordo com seu perfil, e facilitando a navegação de forma segura. Abaixo, temos a descrição de quais são os tipos de Cookies que usamos . Caso tenha dúvidas, acesse a nossa Política de Privacidade.

Tipos de Cookies que usamos

Essenciais

Estes cookies são imprescindíveis para a operação do site. A opção de usá-los vem selecionada por padrão, pois sem eles, a navegação fica comprometida e você não consegue aproveitar algumas funcionalidades básicas que o nosso site oferece.

Escola Aberta do Terceiro Setor

Cursos

Notícias

Link copiado para área de transferência

Para fazer essa ação você precisar estar logado na plataforma.

A saúde mental influencia diretamente a qualidade de vida de uma pessoa e se tornou uma pauta essencial para as empresas. Afinal, sua falta afeta a produtividade do colaborador e pode diminuir seu engajamento diante de novos desafios.
No Brasil, a questão ganha ainda maior relevância. Segundo dados da ISMA-BR, pelo menos 72% dos profissionais brasileiros possuem alguma sequela de estresse no trabalho e 32% deles desenvolveram a chamada Síndrome de Burnout.
ilustração de uma mulher de perfil com flores e plantas florescendo em sua cabeça como um símbolo de cultivar coisas boasSegundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a ansiedade e a depressão geram gastos de US$ 1 trilhão ao ano para a economia do mundo todo. O motivo seria justamente o modo como esses transtornos impactam a produtividade de um profissional.

Um ambiente de trabalho desgastante causa a elevação dos níveis de ansiedade do colaborador, sua perda de foco e pode provocar o afastamento de muitos empregados.
Por outro lado, quando o setor de Recursos Humanos investe em ações para a preservação da saúde mental da equipe, as empresas alcançam melhores índices de produtividade – algo que as organizações estão começando a compreender.

Benefícios da saúde mental para empresas

Proporcionar qualidade de vida aos colaboradores é o principal motivo que leva empresas a investirem em ações de saúde mental. Entretanto, tais atitudes também podem gerar diversos benefícios a um negócio, como por exemplo:

  • Aumento do engajamento das equipes;
  • Melhora da criatividade em meio a desafios;
  • Maior pontualidade dos trabalhadores;
  • Retenção e atração de novos talentos;
  • Redução de custos com afastamento por motivos de saúde.

Além disso, a OMS aponta que para cada 1 dólar investido por empresas em cuidados com a saúde mental, há um retorno de 4 dólares em produtividade.

Ações de saúde mental

A pergunta que fica é: como promover cuidados com a saúde mental dos trabalhadores? Para isso, as lideranças de uma empresa podem adotar diversas ações. Alguns exemplos são:

Incentivar a produtividade sustentável

Os gestores de uma empresa devem incentivar que os colaboradores controlem seus horários de modo a garantir a entrega de suas metas, sem prejudicar seu bem-estar ou exceder limites. Para isso, podem ser realizadas reuniões e palestras que incentivem lideranças e funcionários a criarem, juntos, um ambiente saudável de trabalho.

Conceder benefícios

Os planos de saúde estão entre os principais benefícios que uma empresa pode oferecer, pois motivam o colaborador a cuidar de si próprio. Outros modelos de benefícios também podem ser incluídos, uma vez que mostram como a empresa valoriza seus funcionários.

Estimular a atividade física

Exercitar o corpo ajuda a liberar o estresse e melhora a sensação de bem-estar. Os gestores devem incentivar, sempre que possível, que seus funcionários pratiquem atividades físicas, principalmente em ambientes de trabalho sedentário.
Algumas empresas até mesmo contratam profissionais de educação física para promover atividades com suas equipes com esse foco.

Reconhecer novas ideias

É muito importante que as lideranças saibam valorizar as atitudes e ideias que os colaboradores tragam para melhorar o dia a dia da empresa. Desse modo, é possível reconhecer os esforços da equipe em promover melhorias em sua produtividade e colaborar para um ambiente de trabalho adequado.

Ouvir os colaboradores

A comunicação é fundamental para o bom estabelecimento da saúde mental com todos. Por isso, as empresas devem criar canais de feedback com a equipe e estabelecer um ambiente no qual o colaborador se sinta seguro em debater problemas e sugerir melhorias com seus líderes.